• Jônatas Catunda de Freitas

Tireoglobulina e o câncer de tireóide – Entenda esse exame!

Você está fazendo tratamento do câncer de tireóide e quer entender melhor o exame tireoglobulina? Vou te explicar como eu interpreto o resultado!

Seguimento do câncer de tireóide

No seguimento do câncer de tireóide, existem alguns exames que nos ajudam a detectar precocemente as recidivas. Sempre deve ser feito esse conjunto de exames pois os valores de um podem interferir no outro.

  1. TSH

  2. T4 livre

  3. Tireoglobulina

  4. Anti-tireoglobulina

Leia mais sobre o câncer de tireóide: Câncer de tireóide tem cura? Entenda essa doença

Leia mais sobre o tratamento: Câncer de tireoide – como é o tratamento!

Leia mais sobre o seguimento: Como é feito o acompanhamento do câncer de tireóide?

Tireoglobulina é uma proteína produzida EXCLUSIVAMENTE pela tireóide para armazenar iodo. A vantagem desse exame é que quando a tireóide é removida, o exame de sangue não detectará nada de tireoglobulina, na maioria dos casos. Quem faz a tireoidectomia parcial, a metade da tireóide que sobrou produz tireoglobulina, por isso não há necessidade de dosar visto que não chegará a zero.


Vídeos sobre o exame Tireoglobulina

Tireoglobulina e o câncer de tireóide

O câncer de tireoide mais comum é o carcinoma papilifero. Ele é de bom prognóstico e baixíssima mortalidade. É do tipo bem diferenciado, semelhante ao tecido tireoidiano e também produz tireoglobulina. Resumindo: só quem produz tireoglobulina é a tireóide e o carcinoma papilífero da tireóide, portanto após o tratamento com cirurgia e iodoterapia não sobra nada desses tecidos no pescoço, e os níveis de tireoglobulina devem car bem baixos!

Esse exame é extremamente importante pois quando ele começa a subir, é um sinal bem precoce de que a doença vai recidivar, permitindo tratamento precoce e chance de cura ainda muito boa!

Radioiodoterapia

A radioiodoterapia é uma modalidade de tratamento com radiação que envolve dar iodo radioativo para a paciente. Esse iodo age apenas nos tecidos que captam iodo – o principal deles é a tireóide, mas também o carcinoma papilífero da tireóide – por ser bem diferenciado. Em alguns casos, só a cirurgia não consegue zerar os níveis de tireoglobulina pois ficou algum remanescente tireoidiano produzindo tireoglobulina, por isso utilizamos a radioiodoterapia para destruir esse tecido tireoidiano e zerar a tireoglobulina para facilitar o seguimento. Isso aumenta a chance de controle da doença, complementando o tratamento da cirurgia. Nem todos os casos precisam desse tratamento adicional, apenas os de risco intermediário e alto risco.

Um único valor alterado de tireoglobulina não deve ser motivo de preocupação, o mais importante é avaliar a curva ao longo dos meses após o tratamento, se vem subindo ou descendo. Os valores de tireoglobulina também dependem dos valores de outros exames (TSH, Anti-tireoglobulina) e da dose da levotiroxina que a paciente está tomando! Por exemplo, se eu reduzo a dose da levotiroxina, e consequentemente o grau de hipertireoidismo induzido, sobe tanto o TSH quanto a tireoglobulina. Por isso é importante ouvir a opinião do especialista, o médico que lhe acompanha, para entender melhor o seu caso!



Sobre o site drtireoide.com

Hoje em dia, com a quantidade de informação disponível na internet fica difícil encontrar conteúdo de qualidade. E esse é exatamente o meu objetivo, levar informação de qualidade a quem precisa. As vezes percebo que não consigo passar para o paciente todo o conhecimento sobre a sua doença ou, devido a ansiedade da consulta, o paciente não capta toda a mensagem. Qualquer dúvida escreva nos comentários. Talvez eu escreva um post ou faça um vídeo sobre o seu problema! Se você quiser marcar uma consulta comigo, clique aqui.

Criei esse site para ajudar meus pacientes a entender melhor o seu tratamento. Percebi que os médicos em geral não tem tanto conhecimento sobre tireóide como o cirurgião de cabeça e pescoço tem. Não é fácil encontrar conteúdo de qualidade voltado para pacientes na internet, pois o dr google já diz que tudo é câncer. Por isso tenho essa missão de compartilhar o que sei para facilitar sua vida! Obrigado!

1 visualização0 comentário