• Jônatas Catunda de Freitas

5 fatos sobre o câncer de tireóide que todo mundo deveria saber

Descobriu um câncer de tireóide e está arrancando os cabelos de tanta preocupação? Ou encontrou um nódulo e quer saber mais sobre a possibilidade dele ser maligno? Nesse texto vou te ensinar 5 coisas sobre câncer de tireóide!

Fato número 1 – Os sintomas do câncer de tireóide são os mesmos dos nódulos tireoidianos

O câncer de tireóide pode se manifestar como um caroço endurecido e indolor na região central ou lateral do pescoço. Mas atualmente a maioria dos casos são descobertos antes de serem palpáveis ou visíveis, através do ultrassom da tireóide. Não chegam a ser notados clinicamente de tão pequenos, portanto não causam nenhum sintoma! Muitas vezes são nódulos detectados no ultrassom que após fazer o exame da punção da tireóide descobrem ser um câncer. Alguns casos mais agressivos podem aparecer como uma rouquidão que não melhora – por conta de invasão da traquéia ou do nervo laringeo recorrente, mas não é a regra, é a exceção!

Para ler mais sobre nódulos, veja esse outro artigo: Nódulo na tireóide – o que você precisa saber

Fato número 2 – O câncer de tireóide tem cura!

Primeiro passo – manter a calma. Atualmente o câncer é considerado uma doença crônica, boa parte tem tratamento e altas taxas de cura, principalmente se descobertos precocemente. E o câncer de tireóide não é diferente. Há vários tipos e vários estágios, cada caso é um caso, mas é importante saber que a maioria tem altas taxas de cura, 95% em 30 anos.

Existem fatores do paciente, do tumor e do tratamento que devem ser avaliados para saber se você viverá uma vida longa e saudável curada ou se a doença irá recidivar muitas vezes. Isso consigo te dar bem mais detalhes ao nal do tratamento. 99% dos pacientes com câncer de tireóide escapam. Algo que percebo na prática clínica é que os pacientes que fazem parte do 1% percebo já na primeira consulta – doença agressiva, evoluindo rápido…