• Jônatas Catunda de Freitas

Bócio – o aumento da tireóide

Atualizado: Fev 18

Bócio na tireóide é quando a glândula está aumentada, acima do volume normal que vai até 15cm3.


O bócio pode ser nodular (bócio uninodular ou bócio multinodular), onde o aumento da tireóide acontece pela presença de um ou vários nódulos. E o bócio pode ser difuso, sem nenhum nódulo, geralmente presente nas doenças auto–imunes, tireoidite de Hashimoto e doença de graves, causando hipotireoidismo ou hipertireodismo.

O bócio pode ser tóxico – produtor de hormônios, causando hipertireodismo. É o caso do bócio difuso tóxico, da doença de Graves. E pode ser atóxico ou não-tóxico, que é o caso do bócio multinodular não-tóxico, o tipo mais comum de bócio. Em alguns casos, a tireóide cresce tanto que passa a entrar no tórax, é o chamado bócio mergulhante.


O principal sintoma do bócio é o abaulamento no pescoço, na região da tireóide. Em alguns casos pode causar sintomas compressivos, como entalos ou dificuldade para engolir



3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo